Carreiras 100% sustentáveis. Nosso alvo, nosso legado.

vini-beatlesMeu nome é Vinicius Soares. Meu objetivo? Direcionar músicos à uma carreira que possua vida própria, se auto-sustente com a ajuda da internet.  Neste espaço disponibilizo artigos, dicas, um arsenal precioso para você colocar o seu trabalho em evidência e obter resultados.

Minha história na música se confunde com a chegada da internet e a mudança do modelo de negócios dessa indústria. Fui um dos primeiros usuários do Napster no início dos anos 2000, vi de perto (e na própria carne) como o poder da internet era real e iria definitivamente mudar o conceito de ser um músico no mundo.

Sou publicitário por formação e músico desde 1998. Até 2013 dividi a direção de uma agência digital com minha atividade artística. Com a Sonoros, fiz uma turnê por 6 estados do Brasil, 100% independente. Vendemos quase 4.000 discos físicos. Sem assessoria de imprensa, empresário ou gravadoras. Nossa arma era uma lista de e-mails e muita criatividade.

Em 2014 criei um projeto de ajuda a artistas independentes. Um site onde postava artigos em forma de dicas, totalmente influenciado pela experiência que vivi e pelos relatos de outras bandas e profissionais que conheci nessa caminhada. Nascia o Palco Digital.

Em 6 meses, recebi um número absurdo de pedidos para realizar consultorias. Meus artigos foram de encontro a muitos músicos e a demanda por um serviço mais focado, cresceu. Em 2014  me desliguei oficialmente da Publicidade Corporativa, deixei de atender um portfólio de marcas conceituadas como Amil, Xerox, Record, Shell, para ingressar em um mercado novo, cheio de incertezas, mas, que definitivamente ocupava meu coração. Nascia a Palco Digital Empreendimentos.

São dois anos de atuação prestando um serviço de performance digital a músicos independentes dentro e fora do Brasil. Possuo dois treinamentos online (Curso Palco Digital e Sync Music) que juntos, somam quase 1.000 alunos. Estudei as raízes da indústria da música na Berklee College of Music e continuo devorando tudo o que você pode (e não pode) imaginar sobre o assunto.

Trabalho ativamente com artistas de nicho, ou seja, músicos que conseguem representar grupos específicos, que não teriam grande entrada na mídia tradicional. E isso não é sinônimo de impopularidade ou falta de reconhecimento.

Participo de palestras, discussões promovidas pela indústria sobre as melhores formas de monetização e expansão do mercado independente.

palestras

Gravei conversas com alguns nomes importantes desse mercado, falando sobre alternativas e oportunidades para artistas. Falei com a CDBABY, a Catarse, Napster além de diferentes profissionais em áreas bem distintas, conversas bem informais que você pode ver e ouvir no meu canal do You Tube, aqui.


 Conteúdo reconhecido pelo Mercado

premioO conteúdo do Palco Digital foi reconhecido como o melhor do Brasil na categoria Canais de Divulgação de Música em uma das maiores premiações do mercado, o Prêmio Profissionais da Música 2017.

Com parceria da ABMI (Associação Brasileira da Música Independente) o evento recebeu profissionais da indústria musical de todo o país.

Concorreram artistas como O Teatro Mágico, Clarisse Falcão, Banda Catedral, Zeca Pagodinho além de profissionais de segmentos da produção e comunicação.

Nesta edição, foram homenageados nomes como Thomas Roth (produtor, compositor) e Pena Schmidt (ex-diretor da Warner Music e responsável direto pelo surgimento dos Titãs, Ira!, Ultraje a Rigor, Magazine entre outros).


Algumas pequenas curiosidades

vina-spaceSou um profissional do mercado da música e:

  • Eu amo música, claro. Sou um cara digital, mas continuo amando o som do vinil. O tempo nunca apaga o que é bom.
  • Comecei a tocar com 14 anos. De lá pra cá, passei por 4 bandas. Tenho 33 anos, são quase 20 anos de vivência.
  • Fiz uma turnê por 6 estados do Brasil, 100% independente. É, eu falei acima, mas vale a pena destrinchar o assunto. Passei por Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Paraná e Santa Catarina em uma turnê totalmente independente. Vendemos quase 4.000 cópias com a Sonoros, banda que integrei até meados de 2015.
  • Tenho artigos publicados em sites como o Somos Música (CD Baby) e o portal Imasters.
  • Palestrei no Social Media Week – São Paulo, maior evento sobre mídias sociais da América Latina.
  • O primeiro disco que ouvi foi “A Hard Day’s Night” dos Beatles quanto tinha 7 anos. Ouço de tudo, todo dia, toda hora.

Palco Digital Empreendimentos

site-palco

Realizo um trabalho pontual de consultoria a artistas que entendem a importância do investimento no digital para sua carreira. Se você possui interesse, entre em contato aqui.